ATENDIMENTO (11) 26261594

Construção Civil Contribui para Redução de Créditos de Carbono

Postado em Sustentabilidade ,     em público junho 9, 2015

Iniciativa pioneira no setor de construção civil, a empresa investiu dois anos de trabalho no desenvolvimento e conclusão de seu inventário de carbono. O grande desafio do projeto foi criar e adaptar uma metodologia que permitisse medir os níveis de emissão de Gases de Efeito Estufa (GEE). A forma encontrada para fazer o inventário consiste em utilizar como base um indicador em metros quadrados construídos e entregues no ano e o volume emitido na construção.

Segundo Debora Rolino Novaes, da empresa Ativos Técnicos e Ambientais (ATA), que prestou consultoria para a Even, a seleção de materiais que emitem menos carbono na sua fabricação, assim como de fornecedores cujos processos de produção são menos intensivos em emissões de carbono, são passos importantes. Além disso, como compradoras de materiais, as construtoras podem usar seu poder de influência para induzir os fornecedores a adotarem processos de gestão de carbono, que acabarão reduzindo as emissões no setor como um todo. Leia abaixo a entrevista completa com Debora sobre como a construção civil pode reduzir emissão de GEE.

AEA – Qual a situação do setor da construção civil em relação à emissão de CO2 na atmosfera?

Debora Rolino Novaes – A construção civil tem emissões de grande relevância, principalmente se considerada toda a cadeia de valor. Vários estudos conduzidos pela ATA confirmam que a maior parte das emissões do setor está na fabricação e no transporte dos materiais de construção. Assim, tanto no Brasil quanto no mundo, cimento e aço são os maiores emissores industriais. No Brasil, por exemplo, a siderurgia responde por cerca de 35% das emissões de carbono do setor industrial, enquanto a produção de cimento responde por 19%.

AEA – Como as empresas de construção civil podem vender créditos de carbono, ao limitarem a emissão de gases de efeito estufa? No Brasil isso já ocorre?

Debora – Originar créditos de carbono ainda não está no foco do setor neste momento. O benefício de limitar as emissões está no valor atribuído à marca e aos produtos da construtora. Além da Even, algumas das construtoras líderes do mercado estão agora implementando e divulgando seus primeiros inventários de emissões, seguidos por programadas de redução.

AEA – Quais as principais ações que podem ser adotadas pelas construtoras a fim de reduzir as emissões de carbono?

Debora – A seleção de materiais que emitem menos carbono na sua fabricação, assim como de fornecedores cujos processos de produção são menos intensivos em emissões de carbono. As construtoras podem usar seu poder de influência da cadeia de valor, uma vez que são compradoras de materiais, para induzir os fornecedores a adotarem processos de gestão de carbono.

AEA – Como é o processo a construtora deve seguir para reduzir as emissões?

Debora – Os inventários de carbono na construção civil são bastante complexos, uma vez que a grande maioria das emissões são indiretas, ou seja, estão fora das obras, nos fabricantes de materiais. Assim, organizar os inventários de forma completa é uma tarefa desafiadora, e é neste ponto que o setor se encontra no momento. Há a percepção de que é necessário reduzir as emissões, independente de gerarem créditos de carbono.

AEA – Como avalia a iniciativa da Even de criar e implantar uma metodologia voltada à redução da emissão de gás carbônico?

Debora – A Even é uma empresa voltada para a sustentabilidade de suas atividades e produtos. A empresa elegeu as emissões de carbono como um dos vetores da sua política de sustentabilidade, e passou atuar fortemente sobre ele. O esforço de desenvolver e divulgar esta metodologia é uma importante contribuição da Even para a sustentabilidade do setor da construção civil, e para a sociedade como um todo.

AEA – Como foi o desafio de criar essa metodologia para a Even, que segue as diretrizes da ISO 14.064-1?

Debora – O desafio foi grande. Nosso trabalho consistiu em caracterizar e quantificar as emissões de todos os itens que compõem as obras da Even. São milhares de dados a serem compilados, verificados e compostos no cálculo dos fatores resultantes. Isso foi um trabalho inovador, ajustando os critérios das normas internacionais para as particularidades do setor de construção civil no Brasil. Além da norma ISO 14064-1, a Even segue o GHG Protocol para seus inventários corporativos de carbono.

AEA – E dentro do canteiro, durante a obra, na montagem, o que provoca as maiores emissões?

Debora – No canteiro as maiores emissões são do consumo de diesel em máquinas operatrizes que fazem o movimento de terra, e outros equipamentos como, por exemplo, o bombeamento de concreto para superestrutura.

Serviço: A Even disponibiliza informações sobre seu Inventário de carbono no link:

carbono

Termos e Condições
Contrato de Prestação de Serviços pela AEA Educação Continuada Data-Limite 1. As inscrições para os cursos se encerram 7 dias antes do início das aulas. Excepcionalmente, desde que existam vagas disponíveis, serão aceitas inscrições após a data limite. 2. A data-limite não garante a disponibilidade de vagas. Por isso, recomendamos a efetivação da inscrição/pagamento com antecedência.   Política de Descontos da AEA Educação Continuada 3. A AEA Educação Continuada oferece descontos às seguintes categorias, comprovada a condição mediante apresentação do documento competente, conforme o caso: (i) Grupos de profissionais (3 ou mais inscritos): 10% (ii) Estudantes de graduação e professores: 15%, não sendo aplicado à pós-graduação. (iii) Desconto para pacote de cursos: 10% para inscrições em 2(dois) cursos; 15% para inscrições em 3(três) cursos; 20% para inscrições em 4(quatro) ou mais cursos; 4. Os descontos mencionados nos itens (i, ii, iii) não são cumulativos e se aplicam ao pagamento à vista ou parcelados. Em todas as situações, prevalece o maior desconto.   Desconto especial por antecipação de inscrição  5. Inscrições pagas até 45 dias antes da data de início do curso receberão desconto de 10%, cumulativo em relação ao eventual desconto aplicado com base na “Política de Descontos da Academia” (itens 3 e 4 acima).   Reagendamentos 6. Os cursos da AEA Educação Continuada são ministrados a turmas abertas, formadas por adesão dos interessados. Por isso, a realização do curso depende da inscrição de um número mínimo de participantes, Na hipótese de quorum insuficiente, impossibilidade de comparecimento do professor ou outros imprevistos, a AEA Educação Continuada reagendará o curso, para a data mais próxima possível, a fim de preservar o melhor interesse de todos. 7. Excepcionalmente, a AEA Educação Continuada poderá substituir o professor inicialmente contratado por outro profissional, igualmente qualificado, a fim de preservar o melhor interesse de todos e contornar imprevistos ou conflitos de agenda. 8. Em caso de reagendamento, a AEA Educação Continuada avisará todos os inscritos, por e-mail, informando a nova data, razão pela qual o participante deve manter seu cadastro atualizado, informando o e-mail de contato que acesse com mais freqüência. O inscrito será automaticamente realocado na nova turma do curso de interesse, podendo solicitar a transferência da inscrição para outro curso ou a devolução dos valores pagos. Por isso, recomendamos atenção aos comunicados eletrônicos da AEA Educação Continuada no período que antecede a data prevista para a realização do curso. Especialmente em caso de viagens, antes de se deslocar, solicitamos entrar em contato com a AEA Educação Continuada, a fim de confirmar as informações sobre data e local do curso, evitando transtornos.   Cancelamentos 9. As inscrições poderão ser canceladas, com a devolução dos valores pagos, a pedido do interessado até 10 dias corridos antes do início do curso. 10. No caso de inscrições canceladas, a pedido do interessado, com prazo inferior a 10 dias corridos antes do início do curso, não haverá devolução do valor pago, e o inscrito poderá transferir integralmente o seu crédito para outra turma interesse, pagando eventual diferença, se houver. No caso de não comparecimento no curso (no show), ou de comunicação de não comparecimento, e prazo inferior a 2 dias antes da data de início do curso, por qualquer motivo, 80% do valor total da inscrição (e não da parcela paga, em caso de pagamento parcelado) poderá ser transferido para outro curso oferecido pela AEA Educação Continuada, mas não haverá devolução de valores pagos. Os 20% restantes serão retidos como multa tendo em vista os custos antecipadamente despendidos para possibilitar a participação do inscrito. 11. Destacamos que em caso de inobservância dos comunicados da AEA Educação Continuada (especialmente nos termos do item 8 acima) não haverá reembolso de nenhuma espécie de despesas, incluindo, mas não se limitando a, passagem aérea e rodoviária, combustível, pedágio, locação de veículos, hospedagem, alimentação e outras.   Devolução de valores 12. Nas hipóteses de devolução de valores, o depósito do valor será realizado em 10 dias úteis, contados do envio do comprovante de pagamento e dos dados bancários do favorecido (agência, conta bancária, nome do titular da conta e CPF/CNPJ). 13. Será devolvido apenas o valor principal das parcelas pagas, deduzidas as despesas havidas com a operadora do cartão de crédito, emissão ou reemissão de boletos e tarifas bancárias. 14. Caso seja solicitada a reemissão de boletos, o valor das tarifas bancárias serão incluídos no valor do novo título.   Mora e inadimplemento 15. Os boletos emitidos para os cursos realizados, com data de pagamento posterior ao encerramento do evento, e não pagos até a data do seu vencimento, estarão sujeitos a multa de 2%, juros e correção monetária de 5% ao mês, e após 3 (três) dias serão automaticamente encaminhados ao cartório de protesto de título. 16. O aluno que, por qualquer motivo, cancelar a sua inscrição fora do prazo mencionado no item 9 ou deixar de comparecer ao curso, não se sujeita ao acima mencionado, mas permanece adstrito ao sistema de transferência de crédito descrito nos itens 8 e 10. 17. Caso a AEA Educação Continuada tenha que realizar a cobrança de quaisquer valores devidos em decorrência deste Contrato, a mesma poderá cobrar o reembolso de todas as despesas incorridas por conta de cobrança, judicial ou extrajudicial, de tais valores, incluindo custos de postagem de carta de cobrança, cobrança telefônica e despesas cartorárias.

AEA Cursos Ltda. São Paulo,